Diário Secreto de Robert Pattinson- Cap.14

******Quem pegar avisa nos comentários e coloque créditos a nós*******

– O que você estava fazendo Robert?

Eu abri os olhos, estava na casa de Kristen, e Catherine estava do meu lado.

– Como eu vim para aqui? O que eu fiz? Cadê a kristen?

– Se acalma, se acalma. – Disse ela. – Você estava quase quebrando a cara dos paparazzi, então vieram policiais para pegar você, e como eu estava passando na frente, disse que isso era conta minha. E te trouxe. Você veio andando comigo, normal na rua, e aqui, deitou na cama e adormeceu na hora, você não se lembra?

– Não, nada disso. E cadê a Kristen?

– Como eu te trouxe até aqui, eu pensei que ela estaria aqui para cuidar de você, mas ela estava desmaiada, então eu chamei a ambulância e já levou ela. Logo, logo ela estará de volta. Misturar bebida com cigarro faz muito mal.

Eu ainda estava meio ‘tolo’ com tudo que acontecera, então Cath era uma heroína para mim hoje.

– Obrigado Cath, pode ir agora, estou bem.

– Ok Rob, se cuida. E quando a Kristen chegar, diz para ela que amanhã ela não precisa ir para o set, gravamos a cena dela com o Taylor outro dia.

Ah, ainda faltava ela gravar a cena da praia com ele. Isso me deixou com uma ponta de ciúmes, mas tudo bem, a Kristen não é, e nem nunca foi minha.

Cath passou a mão sobre meus cabelos, deu um sorriso e saiu. Eu estava com muita vontade de ir para a casa de Tyler, mas não, eu iria mesmo é para o hospital, visitar a  Kristen.

Eu peguei um táxi que estava parado na frente da minha casa e fui. Estava sem condições para ir de pé. O táxi parou na frente do hospital, eu paguei para ele, e saí.

Entrei e fui direto à secretária.

– Oi, Kristen Stewart está aqui certo?

– Oi, você é o Robert certo? Sim, ela está no quarto 18, ala norte, pode ir lá.

Eu entrei num corredor onde, no teto, havia uma placa avisando que a ala norte era para seguir em frente, então eu fui, e achei o quarto 18. Abri a porta, e ela estava na maca, virou-se e deu um sorriso para mim.

Doeu muito ver essa imagem. Ela está ali por minha causa, e se acontecesse algo pior, eu nunca me perdoaria.

Peguei uma cadeira, e sentei no lado da maca que ela estava deitada.

– Oi meu amor, estou aqui.

– Rob, por favor, me desculpe. Por favor.

– Schiu Schiu, não fala nada, você não tem que pedir desculpas. Fique quieta.

Passei as mãos sobre os cabelos dela, e a porta se abriu. E eu não acredito que ele estava ali.

– Kristen, ah Kristen, sua louca, você está melhor?

Era o Taylor, aquilo me deixou totalmente descontrolado, mais eu não iria ‘perder a cabeça’ na frente da Kristen.

– Tay, estou. Haha – Ela riu.

Ela veio e abraçou ela.

– Olha, eu tenho que ir, só passei aqui mesmo para ver como você estava, beijos, se cuida. E vê se não faz mais isso em.

– Ah, pode deixar. Beijos.

Os dois sorriram um para o outro, e ele, antes de sair, apertou a minha mão e foi.

Ele fez aquilo para me deixar com ciúmes? Só podia ser né. Tudo bem, ele já foi.

– Rob, olha…

– Não, não fala nada, você deve estar cansada de ficar nessa sala, com esse cheiro horrível de hospital, tente dormir, e logo, quando formos para casa, nós conversamos. Pode dormir, eu estarei aqui quando você acordar.

Ela sorriu, me deu as mãos e virou para o lado.

Créditos: Tiago
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s